Combate a incêndio: Como extinguir o fogo?

Incêndios no BrasilTodos queremos passar longe do risco de incêndios, mas poucos sabemos de fato como combatê-lo. E por “combatê-lo”, não falamos, apenas, em apagar o fogo, usando os equipamentos próprios para isso, mas também em conhecer o que gera um incêndio e como evitar que isso ocorra, tanto quanto, como proceder no caso dele surgir.

Um incêndio, para ser gerado, precisa de quatro coisas: combustível; calor; comburente, que é o gás oxigênio que entrará em contato com o combustível, reagindo e provocando o incêndio; e a reação em cadeia, que é o que “move” o incêndio, fazendo-o continuar.

Portanto, tendo esses fatores como base para gerar um incêndio, para combatê-lo, é preciso extinguir um deles.

Para eliminar o calor, que gera a reação e continuidade do incêndio, uma das alternativas mais usadas é o resfriamento, para diminuir a temperatura. Para incêndios de classe A, em combustíveis sólidos, é o método mais indicado. Contudo, nem sempre utilizar o mesmo extintor é o ideal. Incêndios em equipamentos energizados, por exemplo, deixam inutilizáveis os extintores de água, sendo necessário optar por outras alternativas, como o pó químico seco, CO2 ou Fe-36, por exemplo

Para eliminar o comburente, pode-se utilizar um abafamento por CO2, por exemplo, reduzindo a quantidade de oxigênio em contato com o fogo. Essa é a mesma filosofia aplicada a extintores de espuma mecânica em incêndios classe B, uma vez que a espuma expandida cria um “cobertor” sobre o combustível, isolando-o do oxigênio. Além de cortar o oxigênio, esta técnica também resfria o combustível, tornando-a ainda mais eficiente.

Em caso de incêndios em derramamento de combustível ou vazamento de gás, a primeira medida a ser tomada, se possível, é cortar o abastecimento do combustível para que o fogo não seja reabastecido por um tempo maior.

 

Comentários

2 Comentários

  1. Cleópatra Helena Lopes de Abreu disse:

    Quero saber mais sobre este assunto ,pois é de máxima importância sabermos como agir com segurança durante um evento tão grave como um incêndio. Além disso estou no curso técnico de segurança do trabalho e preciso saber muitas coisas sobre este tipo de evento.
    Atenciosamente
    Cleópatra Helena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *