Classes de incêndio e seus extintores

Nós já sabemos que os materiais combustíveis possuem características diferentes uns dos outros, e que, portanto, queimam de maneiras distintas. Conforme o tipo de material gerador do fogo, podem existir até cinco tipos diferentes de classes de incêndios. Tão importante quanto saber identificá-las é saber quais os motivos que levam à esses incêndios e, principalmente, quais tipos de extintores são recomendados, para cada um deles.

Começaremos pela classe de fogo “A”, que é determinada por incêndios em materiais sólidos combustíveis, que queimam em profundidade e extensão, deixando resíduos, como o papel, tecido, algodão, borracha e a madeira, entre outros. Para combater esse tipo de fogo, o agente extintor mais adequado é a água, que tem a capacidade de penetrar e resfriar o ambiente. Para isso, deve-se fazer uso dos extintores de incêndio portáteis carregados com água.

Os fogos de classe “B” enquadram os materiais em líquidos inflamáveis, que também queimam em extensão (somente em superfícies), mas que, normalmente, não deixam resíduos. Fazem parte desse grupo o óleo, a gasolina, o querosene, graxas, tintas e alcoóis, em geral. Nestes casos o incendio pode ser combatido com extintores de pó químico seco BC ou ABC, extintores de gas carbonico (CO2) e ainda com extintores de espuma mecânica, caso o incendio nao seja tridimensional (ex: liquido sob pressao, gas, derramaneto em gravidade, etc).

SOLICITE UM ORÇAMENTO ou se preferir ligue para: 11 3935-4280

Já os pertencentes à classe de fogos conhecida com “C” englobam incêndios em equipamentos elétricos energizados, como máquinas elétricas, quadros de força, transformadores, computadores ou qualquer que seja o material de uso em aplicações de energia elétrica. Tanto o extintor de po quimico seco a base de bicarbonato de sodio ou potassio, (BC) ou fosfato monoamonico (ABC), quando o extintor de CO2 sao adequados para combater este tipo de incendio.

Constituído de metais pirofóricos, que inflamam facilmente, quando fundidos, divididos ou em forma de lâminas, como o potássio, o magnésio, o titânio, o litio e o sódio, entre outros, os fogos de classe “D” tendem a apresentar comportamento diferente dos demais fogos, uma vez que os materiais que os provocam formam uma espécie de reação em cadeia durante a combustão, dificultando a sua extinção por métodos convencionais. Para estes riscos devem ser utilizados extintores especiais carregados com po quimico classe D adequado para cada tipo de metal.

Por último, os incêndios de classe “K” representam uma classificação recente de tipos de fogos, mas, nem por isso, requerem menos atenção. Fazem menção aos incêndios em cozinhas industriais e comerciais, que envolvem produtos e meios de cozinhar, como banha gordura e óleo) e são uma das principais causas de danos materiais e vítimas, fatais ou não, por serem um dos tipos mais resistentes de fogos já registrados.

Uma unidade extintora portátil de classe K, para combate a incêndios em cozinhas industriais, é o equipamento mais indicado, nessas ocasiões ou ainda um sistema fixo Veloz de agente saponificante.

SOLICITE UM ORÇAMENTO ou se preferir ligue para: 11 3935-4280

Comentários

53 Comentários

  1. aline josefa dos santos disse:

    tudo que fazemos tem uma consequência, é preciso que estejamos atentos todos tempo.

  2. ANDERSON FERREIRA DE MELO disse:

    MUITO BOA A MATÉRIA, ME AJUDOU MUITO A FAZER MEU TRABALHO DE T.S.T.
    OBRIGADO!

  3. Pedro disse:

    Muito bom! Este post me ajudou no meu curso de TST.

  4. glauciano l. Oliveira disse:

    Boa noite. Gostaria de aprender mais pois estou fazendo o curso de bombeiro civil. Você me indica um site para estudar. Obrigado…

  5. adaires disse:

    achei muito interessante esse blog , faço segurança no trabalho e é muito bom esta acompanhando esses assuntos.

  6. Francisco Firmino disse:

    Shop de bola , fiquei mais ligado ao usar um extintor.

  7. Andreia disse:

    Vou fazer o curso de Brigada de Incêndio e achei muito clara e objetiva a matéria de vocês, explicando direto ao ponto onde para saber quando e onde usar cada tipo de extintor.

  8. marcos nunes disse:

    prezados
    agradeço muito pelas informações disponibilizadas, deram-me uma noção muito boa sobre o assunto.

  9. SANDOVAL disse:

    se eu classificar um principio de incêndio na classe c e posterior desliga-lo da tomada,ou seja, desenergiza-lo ele passará a ser da classe a ou não muda mais?

    • Equipe Bucka disse:

      Sandoval, a classificação não altera, porem o tipo de fogo de fato seria classe A. Contudo por questão de segurança, fica definida a classe C.

  10. Christiano Pacheco disse:

    Prezados Srs.,

    Recentemente ouvi que os gases inflamáveis não pertencem mais a Classe B. Os senhores, por acaso, sabem me informar se isso procede? Caso seja positivo, me digam, por favor, em qual Classe de Incêndio eles estão contemplados agora.

    Grato,

    Christiano Pacheco

    • Atendimento | Bucka disse:

      Christiano, os gases inflamáveis são sim da classe B. O que ocorre é que a análise de um incêndio em gases inflamáveis deve ser feita de forma diferente do incêndio em líquidos. Um extintor de espuma, por exemplo, será eficiente no combate ao incêndio em líquidos, porém não deve ser utilizado em gases, uma vez que sua atuação no combate (formação de um colchão de espuma que isola combustível e oxigênio) não é adequada para esta situação.

  11. francisco antonio Muleka disse:

    que agente extintor serve para extinguir incendio de aluminio e magnezio?

    • Atendimento | Bucka disse:

      Francisco, para metais pirofóricos deve ser utilizado o pó classe D. A Bucka fornece tanto o extintor classe D portátil quanto sobre rodas.

  12. gabriela esquina domingos disse:

    gostei muito

  13. Denise disse:

    Parabéns me ajudou bastante .

  14. DEJAIR FELIX CORDEIRO disse:

    BOA TARDE MUITO BOM SABER DAS CLASSE ESTÃO MUITO BEM DEFINIDAS SÓ QUE NO TRABALHO DE ESCOLA ESTOU FAZENDO TECNICO DE SEGURANÇA ESTÃO PEDIDO A CLASSE – E- SE NÃO ME FALHA A MEMORIA ELA DE COMBATE A RADIAÇÃO PODE ME MANDAR PARA MEU EMAIL FALANDO SOBRE ESSA CLASSE MUITO OBRIGADO.

  15. Alex Melo disse:

    Bom dia. Estou fazendo um trabalho para o curso de TST sobre a classe B de extintores onde eu posso encontrar material referente a esta classe?
    obg

  16. Cambinda disse:

    Que substância ou agente extintora contem o extintor de Classe K? Façam favor.

  17. Rodrigo Caldas disse:

    Olá, gostei muito do artigo, mas queria saber a diferença entre os extintores ABC e o FE 36, que pela tabela apagam o mesmo tipo de incêndio.

    Grato!

    Rodrigo Caldas

    • Atendimento | Bucka disse:

      Rodrigo, o FE-36 é um gás que não deixa resíduo quando aplicado. Desta forma, em riscos sensíveis (máquinas e computadores, por exemplo) o dano é reduzido.

  18. Alex Dutra disse:

    Muito bom seu artigo, agradeço muito.

  19. Marcos Rangel disse:

    Gostaria de saber em caso de incêndio em metal de lítio, qual classe utilizar?
    foi verificado que a classe D não é compatível com este metal (apenas este) foi verificado que seria uma agente extintor a base de cobre.
    Qual extintor seria?

    • Atendimento | Bucka disse:

      Marcos, seria também um extintores classe D, porem com um pó especial. Consulte nossa Engenharia para receber mais informações sobre este equipamento. Obrigado!

  20. junio ribeiro disse:

    Do que se compoe o ectintot classe c. Seus componentes sei que o classe a e agua pressurizafa e o b po quimico e o c qusl e

  21. maria disse:

    adorei!!!!!!!!!!!!!! tirei nota maxima no trabalho!

  22. Herminia Pedroso disse:

    Para uma cozinha de um clube, em que pode existir risco de incendio pelo óleo fervente, em que o teto é em pladur e as paredes em cimento qual o tipo de extintor mais adequado?

    Agradeço desde já,
    Hermínia Pedroso

  23. rodrigo lucas de souza disse:

    gostaria de parabenizar sobre a matéria e trazer somente um comentário, no quadro que mostram qual extintor usar para qual classe. o extintor de classe K também combate a classe A.
    na figura do extintor mostra para classe A e K e no quadro diz que o extintor de K não serve para a classe A, acredito que foi somente erro na digitação.

  24. Tony Lelo disse:

    Boa tarde,
    sou técnico da higiene,ambiente,segurança de trabalho e segurança alimentar e estou fazendo curso de brigada de incêndios e emergências, gostei muito da aula e gostaria saber porque razão temos substancias extintores apropriadas, alternativas e as que não se usam nas classes de fogo.
    Esperando a resposta por favor,
    cumprimentos.

    • Atendimento | Bucka disse:

      Olá! De fato existem diversos agentes extintores para as diversas classes de fogo. Poderiamos destacar, o agente saponificante para os incêndios em cozinha (classe K) e os pós especiais para classe D (metais pirofóricos). Infelizmente na grande maioria dos casos faltam informações e os consumidores não contam com os equipamentos ideais. Qualquer dúvida entre em contato com a nossa Engenharia!

  25. Ricardo Pinto de Oliveira Rabeca disse:

    Gostaria de receber as classes dos extintores para instalação correta pelo PDF

  26. Tiago Silva disse:

    Bom dia. Uma dúvida importante:
    O Extintor ABC utilizado para apagar fogo em um painel elétrico ou em um equipamento eletro/eletrônico sensível (notebook, cpu,servidor ou máquinas maiores:: injetoras, centro de usinagem..) danificará todo o sistema como no caso do Extintor BC (Pó Químico seco)?

  27. qual classe extintora do produto? Lítio , casa de baterias!
    sou bombeiro estou com essa duvida!?

    • Atendimento | Bucka disse:

      Olá Michael! Para proteção de Litio, a classe extintora é a D, porém deve ser usado um pó especial a base de grafite. O pó classe D convencional não é apto para combater este tipo de incêndio, ok?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *