Economia de água em sistemas de hidrantes

O sudeste do país passa atualmente por uma crise hídrica nunca antes vista, tendo sido atenuada momentaneamente pelas chuvas de fevereiro. O acontecimento fez com que milhares de pessoas ficassem mais atentas quanto ao consumo excessivo de água e mudassem drasticamente seus hábitos visando a maior economia possível.

No entanto, embora as maiores atitudes tomadas para esse fim fazem parte da rotina doméstica da população, sendo que a preocupação de maneira geral tem que estar também fora de casa.

Um grande problema pouco mencionado é o consumo de água pelos hidrantes, que espalhados pelas indústrias e condomínios podem significar um grande problema se utilizados de maneira incorreta ou não forem inspecionados corretamente.

Verificações necessárias em sistemas de hidrantes:

 

  • Verifique sempre os registros globo e o aspecto geral do hidrante
  • O aperto da conexão storz deve ser verificado
  • Teste o acoplamento das conexões Storz de todos os registros globo
  • As correntes devem estar corretamente conectadas e fixadas entre o tampão e o registro
  • Verificar se não há vazamento e nem ferrugem na pintura do hidrante
  • Já nas válvulas, deve ser feita primeiramente a inspeção periódica das vedações para reparar vazamentos, além de algumas verificações nas seguintes peças:
  • Gaxetas das válvulas seccionadoras
  • Testes de Estanqueidade nas válvulas seccionadoras
  • Limpeza do eliminador de ar
  • Cadeados e correntes

Além disso, é importante que haja consciência na utilização dos equipamentos, que devem destinados somente ao combate a incêndios e não a outras atividades como limpeza e jardinagem, pois essa não é a finalidade do equipamento, e essas práticas acabam aumentando e muito o consumo desnecessário da água destinada ao hidrante.

A cobertura do reservatório também deve ser realizada devidamente, para evitar perda de água por evaporação.

Inspeções feitas corretamente e no período estipulado, somadas às práticas preventivas e ao bom senso da população ao utilizar os equipamentos podem ser extremamente importantes para a redução do consumo de água em tempos de crise.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *