Como funciona o pó químico no combate a incêndio

Na hora de escolher qual agente extintor utilizar, alguns fatores são muito importantes e, de uma forma geral, o pó químico é um dos agentes mais versáteis no combate a princípios de incêndio.

Existem vários tipos de pós químicos recomendados para tipos diferentes de fogo (BC, ABC ou ainda pós especiais para incêndios classe D). Esse agente extintor é usado em extintores portáteis a bastante tempo.

O pó químico seco também é empregado em sistemas montados em skids que podem ser móveis ou fixos. Móveis no caso de veículos ou reboques ou instalações fixas para outros fins especiais, como o equipamento P250, especialmente utilizado para proteção de Helipontos.

Confira o equipamento que utiliza o sistema de pó químico da Bucka.

O que são pós químicos secos?

São compostos constituídos de partículas bem finas que recebem um tratamento que as deixam capazes de resistir à empedramento e mantém bons níveis de fluidez e absorção de umidade.

Como eles agem no combate ao fogo?

Interromper a reação química em cadeia é o mecanismo principal de extinção. No momento em que um combustível oxida, ele libera componentes importantes para a reação química contínua, esses são os radicais livres. Esses radicais são atraídos e combinados com as pequenas partículas de pó químico e isso interrompe a reação. Exatamente por esse processo que as partículas do pó químico devem ser bem finas, aumentando a superfície de troca de calor.

Viu só como eles são eficientes? Para encontrar extintores e equipamentos com pó químico seco de qualidade é só entrar em contato com a Bucka!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *