Sistema de combate a incêndio? Veja como é feito o ideal para a sua empresa

Categoria: Sem categoria

Não importa o tamanho da sua empresa, ter um projeto de prevenção e combate a incêndio é essencial e obrigatório. Lembre-se de que nenhum local está completamente livre de imprevistos e de riscos. É preciso fazer o possível para garantir a segurança da equipe e dos clientes dentro do seu estabelecimento.

Cada tipo de construção e de atividade, requer um projeto específico para combate e controle de incêndios. Porém, há alguns materiais que são usados em praticamente todos os locais, independentemente do tamanho.

Embora seja necessário ter o auxílio de uma equipe capacitada, para apontar quais os itens de segurança que devem estar presentes na sua empresa, é importante que você conheça um pouco sobre os aspectos que deverão ser abordados nele. Conheça alguns equipamentos importante e como um projeto de um sistema de combate a incêndio é elaborado.

No que é baseado um projeto de combate a incêndio?

Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT estabelece as normas básicas para o projeto. Essas, devem ser aplicadas sempre em conjunto com o que pede o Corpo de Bombeiros do estado, normalmente através das ITs, as Instruções Técnicas. O Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo publicou recentemente uma nova versão das suas ITs, que são utilizadas como referencia em diversos Estados do Brasil. http://www.ccb.policiamilitar.sp.gov.br/icb/?page_id=599

Dentre os materiais que farão parte dos instrumentos de combate a incêndio de sua empresa estão:

  • Extintores de incêndio;
  • Alarme de incêndio e sirenes;
  • Sinalização e iluminação de emergência;
  • Mangueiras e esguichos;
  • Abrigos de hidrantes e extintores;
  • Acessórios da casa de bomba;
  • Proteção contra raios;
  • Escada pressurizada, entre outros.

Como elaborar um projeto de combate a incêndios?

Antes mesmo de construir uma edificação, é preciso levar em conta o que será realizado neste local. Isso deve ser apresentado ao engenheiro, que deve levar em conta todas as normas do Corpo de Bombeiros.

Quanto antes as normativas forem estudadas e levadas em consideração melhor. Isso evitará atrasos na aprovação de projetos e até possíveis reformas, após o estabelecimento já estar pronto, para ajustar às exigências de segurança.

É importante ressaltar que tudo é levado em conta, incluindo a existência de saída de emergência, largura das escadas e espessura das paredes. Assim, é necessário esclarecer muito bem o ramo do seu negócio para o engenheiro que está fazendo o projeto.

Assim, é necessário ficar sempre atento às Instrução Técnica dos Bombeiros. Além disso, no caso de empreendimentos em São Paulo, o Corpo de Bombeiros também disponibiliza uma cartilha, que ajudará inclusive na hora de instalar os instrumentos.

Quer conhecer um pouco mais sobre os equipamentos de combate a incêndio? Entre em contato com a BUCKA!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *